Últimas
  Flamengo chega ao Catar e vai encarar o Al-Hilal // Piauienses repudiam manobra do PT para aprovar reforma da Previdência // Polícia conclui inquérito e cita 13 policiais envolvidos em crimes // Justiça no Brssil só para quem compra sentença // Justiça brasileira só enxerga quem pode comprar sentença //
 


www.jornaldacidadepi.com.br

 
 
 
O bandido desacata a população e a Justiça brasileira

Lula desafia Justiça com incitação à democracia

Logo que saiu da prisão, em que cumpria pena, em Curitiba, o ex-presidente Lula fez um violento discurso de ódio em frente à sede do Sindicato dos Metalúrgicos, em São Bernardo do Campo (SP).

Lula chegou a dizer que o Brasil precisa seguir o exemplo do Chile, onde a extrema-esquerda provoca destruição e mais de 20 mortes seguindo estratégia do Foro de São Paulo, que incluiu,  ataques a Igrejas e depredação de objetos religiosos.

“A gente tem que seguir o exemplo do povo do Chile, do povo da Bolívia, a gente tem que resistir”, disse o petista condenado e preso em segunda instância. Privilegiado pela decisão do STF, o presidiário condenado a 12 anos de prisão defendeu o ataque ao governo, completando: “na verdade, atacar e não apenas se defender”, disse comparando o governo brasileiro ao governo do Chile.

Para o jornalista Bernardo Pires Küster, Lula incita uma guerra civil no Brasil e que a o Supremo é culpado disso.

1
2
3
4
5
<audio controls="controls">
  <source src="track.ogg" type="audio/ogg" />
  <source src="track.mp3" type="audio/mpeg" />
Your browser does not support the audio element.
</audio>

“Em menos de 24 horas de liberdade, o Bandido anuncia guerra civil. Isto vai na conta do STF, de um modo ou de outro. Quem, porém, vive numa bolha de isolamento e segurança, longe das tensões das ruas? Você ou os demônios de preto?”, disse Bernardo.

As reações da população começam a surgir pedindo providências

Assista ao vídeo

Ao sair, da cadeia, Lula chegou a afirmar que sai “mais à esquerda” do que entrou, antecipando a radicalização do discurso feito no sábado.

Lula atacou também o ministro da justiça Sérgio Moro, responsável por sua prisão quando era juiz da Lava Jato, em Curitiba, e afirmou que a vitória de Bolsonaro se deve a uma “campanha de fake news contra Fernando Haddad”.

 




 







A notícia em Primeiro Lugar

Uma publicação do
Instituto Nonato Santos e
VND - Comunicação
Rua Tiradentes, 1358
(86) 3222-5832

 



Fale Conosco

O nosso propósito é levar a informação a todos os recantos do Piauí, do país e do mundo, com imparcialidade e respeito.

COMO ANUNCIAR

Para anunciar no Jornal da Cidade, basta ligar para:

(86) 99942-2747 - (86) 3222-5832 - (86) 99520-1308, ou pelos E-mais:
vilsonsanttos@bol.com.br
nilson_1@hotmail.com