Últimas
  Nordestinos não aceitam mais a discriminação do seu povo // Roubalheira do PT elege Bolsonaro presidente // Correios fecham agências no Piauí e em 13 estados // Querem puxar o tapete de trunfo do PSL no Piauí // Prefeito de Cocal do Piauí acusado de chefiar quadrilha perigosa //
 


www.jornaldacidadepi.com.br

 
 
 
Debates e entrevistas



O que está acontecendo com os jornalistas? Será que eles também se corromperam? Será que os nossos jornalistas estão sendo colocados no mercado sem nenhum preparo acadêmico? Ou é o péssimo preparo acadêmico que está fazendo o que estamos vendo?

Diante de tantas dúvidas e pelo que estamos acompanhando, nos debates e entrevistas, está evidente que as faculdades não estão servindo para formar bons profissionais, mas apenas estão preparando os mesmos para buscar ganhar dinheiro. Não importa a forma. Importa ganhar.

Desde que iniciaram os debates e as entrevistas televisadas, que estamos sendo vítimas de falta de assunto, pois todos insistem em perguntar sobre os mesmos assuntos e com questionamentos que deixem o entrevistado em situação difícil. Nunca querendo saber o que teremos em seu governo, se eleito for.

Querem saber sobre o passado. Querem saber sobre opiniões emitidas há dez, vinte ou trinta anos, mas nada se pergunta sobre como serão tratados nossas crianças, por exemplo. Se haverá um programa de incentivo à implantação de novas creches, tipo “mais creche”. Se a nossa malha ferroviária será ampliada para facilitar o escoamento da nossa produção. Não, nada disso importa. Mas, afinal, o que importa mesmo?

Ontem, mais uma vez, a rede Globo patrocinou um espetáculo dantesco, ao entrevistar o candidato de maior aceitação popular com perguntas antigas, que nada acrescentaram ao que já sabemos e pelo que li nos comentários de hoje, perdemos 27 minutos do nosso precioso tempo, pois nada de novo foi acrescentado.

Quiseram fazer da entrevista um bate papo e descambou para o embate verbal com traços de falta de educação para com o convidado. Como é que eu sou convidado para ir à sua casa e você se esmera em me tratar mal? Resultado: nada foi proveitoso e perdemos nosso tempo. O pior. Não tenho esperanças de que melhore.

 




 







A notícia em Primeiro Lugar

Uma publicação do
Instituto Nonato Santos e
VND - Comunicação
Rua Tiradentes, 1358
(86) 3222-5832

 



Fale Conosco

O nosso propósito é levar a informação a todos os recantos do Piauí, do país e do mundo, com imparcialidade e respeito.

COMO ANUNCIAR

Para anunciar no Jornal da Cidade, basta ligar para:

(86) 99942-2747 - (86) 3222-5832 - (86) 99520-1308, ou pelos E-mais:
vilsonsanttos@bol.com.br
nilson_1@hotmail.com